Atividades e tours
Transfer aeroporto
Hotéis em promoção
  1. Fecha de llegada
  2. Fecha de salida
Voos baratos

Como chegar a Florença

Localizada entre Milão, Roma e Veneza, Florença é um destino facilmente acessível de todos os pontos da Europa. Não há voos diretos saindo do Brasil com destino a Florença, mas diversas companhias levam à cidade italiana com escala em outras cidades europeias.

Avião

Aeroporto de Florença, aviao da Alitalia
Avião da Alitalia no Aeroporto de Florença

Para chegar até Florença, há duas opções: voar para o Aeroporto de Florença ou para o Aeroporto de Pisa, situado 100 quilômetros a oeste da capital toscana.

Para os brasileiros, o Aeroporto de Florença é a melhor escolha, pois há mais opções de voos. É possível viajar com companhias como Alitalia, Air France, KLM, Lufthansa e Swiss, fazendo escala em Amsterdam, Frankfurt, Paris, Roma ou Zurique.

Caso você esteja fazendo uma viagem pela Europa, há diversas companhias low cost que chegam a Florença e a Pisa.

Companhias low cost que voam a Florença:

  • Vueling - Com saídas da Espanha, França, Inglaterra, Alemanha, Grécia e outras cidades da Itália.

Companhias low cost que voam a Pisa: 

  • Vueling – com saídas de Barcelona e Londres. 
  • Ryanair – com saídas de Portugal, Espanha, Reino Unido, Alemanha, Bélgica e outras cidades da Itália.

Para encontrar voos baratos a Pisa ou Florença, você pode usar o nosso buscador de voos. Nós comparamos com os principais sites e encontramos o melhor preço. 

Se você já comprou o voo, nos seguintes links você verá informações sobre os dois aeroportos e como ir até o centro de Florença

Trem

Outra alternativa para chegar a Florença se você já está na Europa é ir de trem. A estação de Santa Maria Novella é o destino de muitos trens italianos. Chegar a Florença de trem é a melhor opção para os viajantes que estejam em Roma, Milão ou Veneza. 

Estação de trem de Santa Maria Novella
Estação de trem de Santa Maria Novella

Você pode consultar os horários e as tarifas dos trens no site da TGV ou da Ferrovie dello Stato. Também é possível reservar online, e às vezes chega a ser também mais barato. 



Carro

Como todo o centro histórico da cidade pode ser visitado caminhando e há diversas ruas de uso exclusivo de pedestres, Florença não é o melhor destino para ir de carro. Caso você viaje de carro, esteja atento ao local onde irá estacionar, já que há zonas exclusivas de estacionamento para residentes e o seu veículo pode ser retirado e você terá que pagar uma multa se o deixar em uma dessas zonas.

Se você quiser conhecer Siena, Pisa, Lucca e outras cidades da Toscana, você pode alugar um carro ou fazer excursões organizadas.